O Que São Organizações Exponenciais?

Atualmente, as empresas mais bem-sucedidas são as que estão na vanguarda da inovação e da ruptura de modelos tradicionais. São elas que estão vendo um crescimento amplo em seus resultados. Tendo isso em mente, saiba o que são organizações exponenciais.

Você gostaria de ver, em um saldo de 10 vezes, a melhoria de desempenho da sua organização em um ano? Se sim, tudo que você precisa fazer para isso é buscar se tornar ‘exponencial’.

Salim Ismail é um inovador e pensador que trabalhou com algumas das melhores organizações do mundo. Ele trouxe à tona a temática das organizações exponenciais, e saber mais sobre elas pode mudar o rumo de sua empresa.

O Que São Organizações Exponenciais?

Entenda tudo sobre organizações exponenciais

Salim Ismail é também é o Diretor Executivo Fundador da Singularity University, que analisa as empresas que mais crescem dentro das indústrias que mais crescem.

– Sua visão é tão grande que ele desafia seus clientes e alunos a impactar positivamente 1 bilhão de pessoas, alavancando novas tecnologias.

Essa parece uma tarefa difícil, certo? Mas Salim diz que isso é mais do que possível para uma organização exponencial. Então, o que significa ser exponencial?

  • Salim notou diferenças grandes de gestão em algumas empresas pela primeira vez há cerca de cinco anos.

  • Elas eram exemplos de organizações que usavam uma pequena área útil para alavancar tecnologias de aceleração, feitas para ultrapassar seus limites tradicionais.

LEIA  Principais tecnologias contábeis para locadora de veículos

Ao contrário de empresas que tiveram dificuldade em inovar por causa de seu tamanho, as chamadas organizações exponenciais mantiveram suas tarefas compactas e ágeis para que pudessem se adaptar conforme necessário.

Quais são as principais organizações exponenciais para se usar de exemplo?

Existem cerca de 70 empresas exponenciais na lista de observação de Salim, e todas elas tiveram um sucesso incrível que seus concorrentes não conseguem nem mensurar.

  • Para ser considerada “exponencial” aos olhos de Salim, uma organização deve ter um mínimo de 10 vezes o aumento de desempenho em relação a seus pares da indústria.

Segundo Salim, uma organização pode alcançar 10 vezes essa melhoria de desempenho adotando apenas algumas características.

Método “SCALE” das organizações exponenciais

SCALE significa “escala”, em inglês, e cada uma de suas letras é dividida de forma a indicar como se tornar uma organizações exponenciais. Confira:

  • S: equipe sob demanda. Assim como o Uber não emprega seus próprios funcionários, em uma organização exponencial adota-se um modelo em que as empresas terceirizam a maior parte de seus principais trabalhos.

Isso lhes dá mais flexibilidade para se adaptar rapidamente às mudanças do mercado.

  • C: comunidade e multidão. As organizações exponenciais usam meios colaborativos para construir sua comunidade e dimensionar seu trabalho.

  • A: algoritmos. É preciso usar um bom algoritmo para maximizar sua eficiência.

  • L: ativos arrendados. Semelhante a uma equipe sob demanda, uma organização exponencial têm ativos sob demanda.

  • E: engajamento. Essencial para criar conexão entre a organização e a comunidade, como através de feedbacks digitais, incentivos e gamificação.

O Que São Organizações Exponenciais?

Características internas para navegar na estrutura interna de uma organização exponencial

Interfaces. Uma organização exponencial têm processos muito personalizados para a forma como eles se relacionam com clientes e outras organizações.

  • Um exemplo disso são as regras estritas da Apple sobre o que chega à sua loja de aplicativos.

LEIA  Conheça Os Mitos E Verdades Sobre O BPO Financeiro!

Painéis. Para gerenciar funcionários, as organizações exponenciais usam sistemas de gerenciamento e painéis em tempo real para medir as métricas de negócios.

Experimentação. As organizações exponenciais operam como startups enxutas – estão constantemente se adaptando, aprimorando e ajustando seus esforços para corresponder a fatores externos.

Autonomia. Muitas organizações exponenciais usam uma estrutura de autoridade descentralizada, o que significa que não há estrutura de relatório ou cargo.

Social. Usando tecnologias colaborativas, essas organizações gerenciam a comunicação em tempo real para manter todos os funcionários atualizados.

Tornar-se uma das organizações exponenciais não é algo acontece da noite para o dia, mas sim ao adotar as características acima que melhor correspondem à sua estrutura. Sabendo disso, garanta ainda mais eficiência ao ler nosso texto 15 dicas preciosas para engajar o time do seu escritório contábil!

Postado em EndomarketingTagged , , ,