Produtividade da sua empresa – Saiba como desenvolvê-la

Há certo consenso entre especialistas de que no Brasil, é preciso aproveitar os trabalhadores de forma mais eficiente, já que um dos maiores desafios do país é a baixa produtividade. Em tempos de crise, aumentar a produtividade vira lei para qualquer empresa brasileira.

É comum observarmos em uma empresa alguns trabalhadores com excesso de tarefas enquanto os demais participam menos e de forma mais passiva. Isso é de fato uma questão corriqueira nos ambientes empresariais. Mas o que fazer para melhorar a produtividade? Como fazer as empresas compreenderem que é necessário oferecer treinamento para tornar o funcionário mais produtivo?

Um profissional não é melhor do que outro simplesmente porque trabalha sem intervalo nem mesmo para ir ao banheiro. Na verdade, quanto mais o ritmo do profissional corresponder ao da empresa, mais produtivo ele será.

produtividade - meeting

Quem são os responsáveis pelo aumento da produtividade?

A liderança das empresas é, em grande parte, responsável pelo aumento da produtividade dos seus funcionários. Um bom líder não é aquele que manda fazer, mas é aquele que ensina e ajuda a fazer. Afinal, delegar é essencial para criar equipes mais organizadas e eficientes.

Melhorar os processos pode parecer burocrático para alguns, mas é tão importante quanto o papel da liderança. O processo é difícil, e não é todo profissional que gosta de seguir rotinas. As rotinas dos processos parecem chatas ou improdutivas, no entanto, ajudam a fazer com que o trabalho flua e, em muitos casos, seja feito uma única vez. Imagine essa situação hipotética: “Porque você precisa de tanta gente assim? Por que essa funcionária faz a mão e depois passa para o sistema, fazendo duplo controle na planilha de Excel”. Nesse caso, o ideal é instaurar a gestão inteligente de documentos digitais ou eventualmente em papel.

LEIA  Décimo terceiro salário e férias: tudo o que o empreendedor precisa saber

Quando precisamos melhorar os processos da empresa é porque eles estão improdutivos. Corrigindo-os ,estaremos evitando trabalhos além daqueles essenciais. Para implantar processos produtivos, muitas empresas têm recorrido aos serviços de consultorias, assessorias, auditorias e treinamentos específicos no assunto. Organizar tarefas e trâmites e sincronizar ações das pessoas pode salvar a empresa. Eis, aqui, a importância de se identificar os erros de processos: certamente, trabalhos importantes podem não estar sendo feitos porque não há tempo disponível e as equipes estão super atarefadas.

Como resolver a improdutividade

São muitos os estudos de consultoria que tentam resolver os impasses da improdutividade. É engraçado, por exemplo, saber que há fábricas de cerveja na Alemanha nas quais os funcionários bebem durante o expediente e ainda assim apresentam ótimos resultados de produção. Qual será a razão?

Empresários muitas vezes passam parte do seu dia tentando desvendar mistérios como esse. Verdade seja dita: muitas das soluções podem ser encontradas no próprio ambiente de trabalho, em especial, na rotina dos funcionários.

Há outro comportamento muito comum que pode demonstrar deslizes de produtividade. Logo que acordamos ou logo que chegamos ao trabalho, ligamos o computador, certo? Passamos, então, a primeira hora de trabalho checando e respondendo e-mails. Esse é o momento mais produtivo do dia. Mas optamos por ficar sentados lendo emails. Talvez essa atividade possa ser feita logo depois do almoço, naquela horinha do relaxamento ou quando o sangue está circulando mais próximo do estômago do que da cabeça. O ideal é verificar os emails urgentes e deixar os demais para um momento menos produtivo do dia.

Outra dica é ter plantas no ambiente de trabalho para dar mais energia. A cada 90 minutos, levante, mexa-se e tome água. Esses 20 minutos de intervalo quebram a rotina e ajudam no retorno.

LEIA  Saiba aqui qual é a relação entre auditoria e gestão empresarial

Trabalhar em casa, segundo estudos, pode aumentar em 12% a produtividade. Nem todo mundo consegue, porque, às vezes, a rotina em casa é mais atrapalhada por filhos ou tarefas de casa. Trabalhar em casa, todavia, pode aumentar a produtividade na medida em que o profissional não perde tempo no trânsito ou com os deslocamentos nos horários de almoço.

produtividade - work out

A forma mais produtiva de trabalhar

Cada um tem seu jeito de trabalhar. Uns ouvem música, outros preferem adotar uma rotina de exercícios ao longo da jornada. Exercícios físicos logo cedo ajudam a aumentar a produtividade. Atividades pensantes, tais como palavra-cruzada, têm o mesmo efeito. Ajudam a estimular o cérebro.

Investir em maquinário, na automação de fluxos de trabalho ou no processo de negócios é uma das formas de investir no aumento da produtividade. Se não há orçamento disponível para compras, o que acha de alugar? E se você terceirizasse determinados serviços? A terceirização é uma tendência mundial para ganhos de especialidade, qualidade, eficiência e produtividade. Terceirizar gera não apenas o aumento dos lucros nas empresas como também aumenta a riqueza para o país na medida em que cria oportunidades de emprego.

Quando pensamos em produtividade, tudo deve ser levando em conta, desde os fatores mais simples ao mais complexos. Instaurar uma cultura de eficiência na empresa é a chave para se destacar da concorrência. Já pensou por exemplo em detalhes como transcrever as suas reuniões para depois ter isso facilmente documentado? Essas e outras ideias podem te ajudar a trazer mais precisão e eficiência.

Investir em marketing

produtividade - quantidade

Vamos direto ao assunto: marketing é uma estratégica importantíssima. Mesmo sabendo disso, muitos não investem por falta de orientação. Para investir em marketing e divulgação de produtos ou serviços, é preciso ter uma direção. É fácil investir quando ferramentas e plataformas não faltam. Não estamos, no entanto, com dinheiro sobrando, lembra? Não adianta sair atacando por todos os lados. Pense nas possibilidades e em quais ferramentas é possível investir pouco com muitos resultados.

LEIA  Ponto de equilíbrio e a importância para o seu negócio

Vamos dar um exemplo de bons investimentos de marketing. O estudo de caso é de uma loja de rua que vende sapatos, bolsas, roupas e acessórios femininos, mas têm poucos clientes. A equipe faz, em média, 200 vendas por mês e atende o público classe A. Uma das ferramentas de divulgação era o envio de emails para clientes cadastradas. Mandavam mensagens como “Estamos com numeração 35 para sapatos femininos. Venha conferir!”. A melhor ação de marketing encontrada não era essa, porém.

Foi criada, então, uma planilha com o nome da cliente, tamanho de calçado e cores favoritas. Foi necessário estudar e segmentar cada uma das clientes, que foram também divididas por estilos: despojadas e clássicas. A partir dessa ação, foi possível identificar que sapatos eram mais compatíveis com o estilo de cada uma.

Com isso, foi possível otimizar as vendas e melhorar os resultado sem gastos vultuosos de marketing. Seguiram-se telefonemas e outras ações utilizando ferramentas de baixo custo como o Whatspp, por exemplo.

Gostou do nosso post? Comente aí em baixo e fique ligado nos próximos!

Postado em Administrativo